Em destaque

25 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,0449 patacas e 1,1156 dólares norte-americanos.

 

Poluição: Níveis cinco vezes superior ao recomendado
Segunda, 22/01/2018
Macau regista concentrações de partículas PM2.5 cinco vezes superiores ao recomendado pela Organização Mundial de Saúde. Hoje e amanhã o território deve registar níveis insalubres de qualidade do ar, com más condições de visibilidade.

Cerca da hora de almoço, o nível estava ainda em “moderado” mas, durante o dia, deverá passar a “insalubre”.

A Direcção dos Serviços Meteorológicos e Geofísicos (DSMG) desaconselham qualquer tipo de actividade física ao ar livre.

As condições meteorológicas estão a favorecer a concentração da poluição no Delta do Rio das Pérolas, contou à TDM-Rádio Macau Vera Varela, porta-voz da DSMG.

“Hoje de manhã o vento esteve relativamente fraco. As condições atmosféricas foram estáveis o que não beneficia as dissipação dos poluentes. Desta forma, os poluentes ficam acumulados no Delta do Rio das Pérolas. Por outro, lado, a humidade relativa também esteve relativamente alta. Na confluência destes dois factores, a visibilidade na região esteve muito má”, afirmou.

Segundo Vera Varela, “espera-se que uma corrente de ar do quadrante leste aumente a meio desta semana e haja uma melhoria desta bruma seca”.

Nesta segunda-feira, até à hora de almoço, os níveis de partículas PM2.5 oscilaram entre 50 e 160 microgramas por metro cúbico. A Organização Mundial de Saúde recomenda uma exposição diária não superior a 25 microgramas por metro cúbico de média diária.

André Jegundo