Em destaque

22 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

LAG: Negociados seguros para cuidados de saúde em Guangdong
Quarta, 15/11/2017

O processo está ainda em fase de negociação, mas o objectivo está traçado. Pelo menos, do lado de Macau: a ideia do Governo é que os residentes possam ter acesso aos cuidados de saúde de Guangdong, através da compra de seguros na China. 

 

O plano foi assumido hoje pelo Chefe do Executivo. Chui Sai On admitiu que há vários obstáculos a ultrapassar, como a forma de liquidação das despesas. Mas garantiu que vai trabalhar para chegar a um consenso com Guangdong.

 

“Vamos trabalhar nesta vertente para chegar a um consenso e tentar trilhar caminhos para entrar em cooperação com a província de Guangdong e para que os cidadãos possam gozar de serviços médicos transfronteiriços, permitindo que os cidadãos possam comprar seguros médicos no interior da China usufruindo de cuidados de saúde no interior da China”, apontou.

 

Em resposta à deputada Wong Kit Cheng, do Hospital Kiang Wu, Chui Sai On disse que vai “continuar a apoiar em grande escala” as entidades privadas. Para o Chefe do Executivo, as instituições particulares e sem fins lucrativos “assumiram o maior peso dos trabalhos” na área da saúde.

 

Sobre a Academia de Medicina de Macau, prometida para 2016, Chui Sai On disse que os trabalhos estão quase prontos. O secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, Alexis Tam, disse já que pretende contratar médicos de Portugal e da China para dar formação.

 

Sónia Nunes/André Jegundo