Em destaque

19 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.16 patacas e 1.12 dólares norte-americanos.

Dragon Corp quer oferta inicial de nova criptomoeda
Terça, 26/09/2017

A empresa Dragon Corp., registada em Macau, quer angariar 500 milhões de dólares americanos através de uma oferta inicial de uma nova criptomoeda. A notícia é avançada hoje pelo Ponto Final, que cita a CNBC.

 

De acordo com o jornal, o capital emitido no âmbito da oferta inicial de moeda agora anunciada seria colocado ao dispor dos junkets, que posteriormente o emprestariam aos grandes apostadores que necessitem de liquidez.

 

A empresa responsável pela encriptação da nova moeda é a tailandesa Wi Holding, segundo o diário. Um responsável desta companhia, citado pelo jornal, adianta que o montante angariado com a oferta inicial de moeda e a venda de moeda digital se destina a financiar a construção do Dragon Pearl Casino Hotel, um casino flutuante alegadamente em construção na Noruega e que deverá navegar para Macau em 2019.

 

Esta terça-feira, a edição online do South China Morning Post publica fotografias que alegadamente indicam que o negócio entre a Dragon Corp. e a Wi Holding terá o apoio de Wan Kuok-koi. Segundo o diário de Hong Kong, o antigo líder da tríade 14 quilates, também conhecido como "Dente Partido", terá estado presente numa cerimónia celebrada entre as duas empresas.

 

Ainda de acordo com o Ponto Final, o receio de que as criptomoedas estejam a ser utilizadas em esquemas fraudlentos ou em investimento especulativo já levou o Banco Popular da China a banir a prática de criar e vender novas moedas digitais. 

 

Sofia Jesus