Em destaque

22 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

3 detidos por alegado envolvimento em acidente na obra do MP
Quarta, 20/09/2017

A Polícia Judiciária (PJ) deteve três pessoas por suspeita de envolvimento no acidente laboral de Junho no estaleiro de obras do novo edifício do Ministério Público (MP) – um acidente que resultou em dois mortos. Os três indivíduos são suspeitos de infracção de regras de construção e perturbação de serviços, tendo o caso sido encaminhado para o MP.

 

De acordo com o canal em chinês da Rádio Macau, os três suspeitos são um director de obra, um engenheiro e o director-geral da empresa de construção.

 

Citada pela Ou Mun Tin Toi, a PJ informa que a investigação da Direcção dos Serviços de Assuntos Laborais e da Direcção dos Serviços de Obras Públicas e Transportes concluiu que o acidente de trabalho ocorreu durante um teste que teve lugar no estaleiro de obras sem a devida aprovação prévia por parte das autoridades. Um mal-entendido terá levado os trabalhadores a calcular mal o peso de um ferro que acabou por cair, provocando o acidente que resultou em dois mortos e dois feridos.

 

O artigo 267.º do Código Penal prevê que a prática de infracção de regras de construção e perturbação de serviços pode ser punida com pena de prisão até oito anos, caso não resulte de negligência.

 

Sofia Jesus (com Tomás Chio)