Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Revista de imprensa de Macau e Hong Kong (segunda-feira)
Segunda, 18/09/2017

Os resultados das eleições legislativas com os vencedores, os vencidos e as surpresas compõem as primeiras páginas da imprensa portuguesa desta segunda-feira.

 

Jornais de Macau em Língua Chinesa

O jornal Ou Mu surge, na primeira página, com fotos dos candidatos eleitos e da respectiva votação e um dos títulos que destaca a continuação da cooperação com a China na nova legislatura. O jornal destaca ainda os quatro lugares arrecadados pelos sectores tradicionais. Mak Soi Kun obteve o primeiro lugar e "a representante da classe média Agnes Lam entrou na Assembleia"

 

O Va Kio entrega o destaque da edição também aos resultados das eleições com a publicação dos candidatos e dos resultados destacando a adesão às urnas de 57 por cento. Três caras novas entram na Assembleia. Mak Soi Kun e Ella Lei foram rei e rainha desta eleição, nota o diário.

 

O Canal Chinês da Rádio Macau tem estado, ao longo da manhã, a dar destaque aos resultados das eleições legislativas de ontem. Pela antena do Ou Mun Tin Toi têm passado várias vozes dos novos deputados eleitos. A rádio também deu destaque ao caso de uma tentativa de suicídio de uma aluna do Colégio Santa Rosa de Lima.

 

Jornais de Macau em Língua Portuguesa

“Noite de surpresas” lê-se na primeira página do Jornal Tribuna de Macau que entrega todo o destaque às eleições legislativas com uma grande foto do vencedor da noite, Mak Soi Kun.

 

“Votos de mudança” escreve o Hoje Macau, em manchete, a propósito das legislativas salientando na primeira página que a “próxima legislatura vai acolher a maior representação de sempre de deputados fora do sistema”.

 

“Noite de esperanças longas” é a manchete do Ponto Final com fotografia de Pereira Coutinho e dos seus apoiantes que viveram “uma noite agridoce” à espera dos resultados do “escrutínio mais concorrido de sempre”, diz o jornal no único assunto de capa.

 

Jornais de Macau em Língua Inglesa

“Eleições da AL – Vencem os conservadores e os democratas”, com fotografia de um eleitor, ontem, no momento da votação é a manchete do Macau Daily Times. O jornal também se refere ao caso dos muçulmanos royinga “em fuga da Birmânia vêem as casa incendiadas”.

 

O Business Daily também destaca a eleição geral de ontem numa manchete lacónica: “Assembleia Legislativa renovada”. O jornal diz ainda que a revisão do rating da economia portuguesa oferece novas oportunidades de investimento.

 

O Macau Daily Times escreve, em manchete, “Eleições pós-tufão revelam resultados surpreendentes – três novidades e duas eleições falhadas”. Em destaque surgem as fotos de Agnes Lam, Leong Sun Iok, e Sulu Sou.

 

Jornais de Hong Kong em Língua Inglesa

O South China Morning Post faz destacar “a grande afluência ás urnas em Macau” com fotografia de uma assembleia de voto. “Grupos pro-sistema deverão manter maioria na legislatura”, escreve o jornal. Em grande manchete, “MTR persegue plano global de instalar apartamentos por cima das estações” de metro, em referência aos projectos da empresa de Hong Kong de exportar este modelo para a Europa.

 

No Standard, a primeira página é feita de publicidade e, na segunda, surge uma entrevista ao líder da Câmara Chinesa de Comércio.

 

O China Daily puxa para manchete, com foto, um tema de desporto – “Máxima adesão na Maratona de Pequim”. Em destaque também “Políticos à espera do Congresso do Partido”, no próximo mês.

 
Carlos Picassinos