Em destaque

24 de Novembro de 2017: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.5893 patacas e 1.1857 dólares norte-americanos.

Hato: acervo da biblioteca do Instituto Ricci destruído
Quinta, 07/09/2017

Todo o acervo da biblioteca do Instituto Ricci de Macau ficou destruído, devido a inundações provocadas pelo tufão Hato. A notícia foi avançada esta noite pela TDM – Canal Macau, que falou com o Padre Luís Sequeira, um dos fundadores da instituição.

 

“Está tudo destruído”, referiu Luís Sequeira, ao telefone com a TDM, que explica que os cerca de 25.000 exemplares de livros e revistas tinham sido transferidos para a cave do novo campus da Universidade de São José, na Ilha Verde, que ficou inundada por causa da tempestade de 23 de Agosto.

 

Ainda segundo a TDM – Canal Macau, a colecção da biblioteca do Instituto Ricci foi transferida do edifício da Avenida Conselheiro Ferreira de Almeida para o campus da Ilha Verde na sequência de um protocolo celebrado este ano entre o instituto, ligado à Companhia de Jesus, e a Universidade de São José. De acordo com Luís Sequeira, os livros e revistas estariam guardados na cave apenas temporariamente, “à espera de serem colocados no lugar próprio”.

 

Os cerca de 25.000 livros e revistas constituíam um acervo em que, segundo Luís Sequeira, “se procurou trazer, numa perspectiva sempre intercultural chinesa-ocidental, tudo aquilo que fosse ligado à cultura e [à] história, [bem] como ligado a outros aspectos mais de carácter social, como também, inclusive, a parte mais de intercâmbio espiritual e de conhecimento, como as grandes colecções, inclusive, de budismo...”. “Tudo desapareceu”, acrescentou.

 

De acordo com a mesma notícia, o Instituto Ricci já informou o Gabinete de Apoio ao Ensino Superior sobre a destruição dos cerca de 25.000 exemplares.

 

Sofia Jesus (com TDM – Canal Macau)