Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Final da Taça: Benfica com baixas espera jogo equilibrado
Sábado, 08/07/2017

Depois de se ter sagrado tetracampeão da Liga Elite, o Benfica de Macau tenta fazer a dobradinha que escapou há um ano. Na final da Taça de Macau, esta noite, frente ao Monte Carlo, o técnico Henrique Nunes não espera facilidades, até porque as águias têm várias baixas.

 

“Em condições normais e com a equipa base, dava mais favoritismo ao Benfica. Não haveria margem para dúvida. Neste momento, dadas as condicionantes e as baixas na equipa, creio que o jogo vai ser muito mais equilibrado. O Monte Carlo vai jogar com uma equipa muito mais próxima daquilo que tem sido habitual”, argumenta o treinador português, em declarações à TDM – Rádio Macau.

 

“O Bernardo e o Edgar Teixeira não podem jogar. O Leonel Fernandes, provavelmente, também não poderá jogar. O Chan Man também está indisponível. O Amâncio e o Rafa já estão de férias em Portugal. Temos muitas baixas. Daí eu dizer que não somos mais favoritos do que o Monte Carlo”, acrescenta Henrique Nunes.

 

O técnico das águias acredita que “há 50 por cento” de hipóteses de vitória para as duas equipas. Nos jogos disputados para a Liga Elite, esta temporada, o Benfica de Macau goleou os canarinhos, por 6-0, na primeira volta. Contudo, o Monte Carlo bateu os encarnados, por 2-1, no segundo jogo.

 

Uma vez que frente-a-frente vão estar os melhores conjuntos do campeonato, Henrique Nunes espera mais público nas bancadas. “Era bom que estivesse muito mais gente do que aquela que é habitual porque vai ser um bom jogo. O Monte Carlo, logicamente, quer ganhar a Taça de Macau. O nosso pensamento também está em fazer a dobradinha. Ganhámos o campeonato, queremos ganhar a Taça de Macau. Estou cá há dois anos e nunca ganhei o troféu”, lembra o técnico, reforçando a vontade de vencer.

 

A final da Taça de Macau está agendada para as 20h30, no Estádio de Macau, na Taipa.

 

Pedro Galinha