Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Pearl Horizon: nove deputados pedem retomar das obras
Terça, 04/07/2017

Nove deputados pedem ao Chefe do Executivo que resolva a questão de Pearl Horizon. Os membros da Assembleia sugerem que a construtora Polytec recomece a construção do complexo, encarando este como um caso especial. Conscientes que a situação pode levantar dúvidas na opinião pública, os deputados pedem que não se viole a lei de terras.

 

A deputada Kwan Tsui Hang assumiu o papel de porta-voz dos deputados e diz que o Governo deve permitir que a construtora do grupo Polytec "cumpra com o que ficou acordado".

 

A outra proposta suporta-se no artigo 55.º da Lei de Terras. O documento sugere que o banco responsável pelas hipotecas das casas a construir assuma as mesmas sem ser necessário concurso público.

 

Kwan Tsui Hang reconhece que qualquer decisão que se tome vai ser alvo de críticas e que o Chefe do Executivo teme ser acusado de favorecimento no caso.

 

A deputada refere também que conscientes disso mesmo, os deputados querem que a proposta que fazem seja "pública e que se encontre uma solução justa para todos".

 

Kwan Tsui Hang esclarece que a carta entregue esta terça-feira é independente da que já havia sido enviada para Chui Sai On por um grupo de 19 deputados em Abril, que incluía grande parte dos agora preponentes.

 

Recorde-se que também os deputados Leonel Alves e Zheng Anting entregaram ao Chefe do Executivo um pedido de autorização para avançar com a revisão da Lei de Terras. Segundo a Lei Básica, para apresentar projectos na área das terras, os deputados necessitam de autorização prévia do Chefe do Executivo.

 

Kwan Tsui Hang, Ella Lei, Song Pek Kei, Si Ka Lon, Chan Meng Kam, Ho Ian Sang, Wong Kit Cheng, Lam Heong Sang e Chan Hong são os deputados signatários do documento. 

 

A obra está parada desde 2015, quando o Governo declarou a caducidade da concessão.

 

João Picanço