Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Acidentes de trabalho mataram 27 pessoas em 2016
Sábado, 27/05/2017

A Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais (DSAL) registou 27 mortes em acidentes de trabalho, no ano passado. Em cinco casos houve “violação da legislação sobre a segurança e saúde ocupacional”.

 

No relatório referente a 2016, divulgado hoje, há também registo de 21 pessoas que ficaram com incapacidade permanente. No total, foram contabilizadas 7404 vítimas.

 

As principais causas dos acidentes de trabalho foram: “entalamento num ou entre objectos” (21,7 por cento); “queda de pessoas” (21,5 por cento); e “esforços excessivos ou movimentos falsos” (17,9 por cento).

 

O valor das multas aplicadas pela DSAL, por falta de condições de trabalho, chegou a 185.500 patacas. Os serviços liderados por Wong Chi Hong puniram 32 pessoas. Quanto às compensações, 182 trabalhadores foram indemnizados.