Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Sónia Chan: Ovelhas negras da função pública são uma minoria
Quinta, 25/05/2017

A secretária para a Administração e Justiça esteve esta tarde na Assembleia Legislativa a responder aos deputados sobre a falta de responsabilização na Administração Pública, depois de relatórios do Comissariado de Auditoria e do Comissariado Contra a Corrupção que expuseram irregularidades em vários serviços.

 

Sónia Chan prometeu aperfeiçoar os mecanismos de responsabilização de funcionários e reforçar a formação jurídica. O objectivo, diz a secretária, é criar um clima impoluto na Administração, onde as “ovelhas negras" são uma "pequena minoria”. 

 

“Nós temos toda a confiança de que vamos atingir esse objectivo [uma Administração livre de corrupção]. Sim, alguns dirigentes cometeram crimes e foram levantados processos contra esses dirigentes. Em relação a essas ovelhas negras da função pública elas são uma pequena minoria mas nunca iremos ignorar os crimes que forem cometidos”, apontou.    

 

A Secretária revelou também alguns dados do ano passado da avaliação de desempenho de dirigentes da Administração: em duas das categorias de avaliação mais importantes menos de um por cento dos dirigentes tiveram nota negativa.

 

No que diz respeito à “competência demonstrada na execução das orientações superiormente fixadas e na realização dos objectivos”, 66 por cento dos dirigentes obtiveram classificação “Boa” ou superior, cerca de 34 por cento dos dirigentes obtiveram “Suficiente” e menos de 1 por cento a menção “Deve melhorar”. 

 

No que diz respeito à “Competência demonstrada na direcção e gestão do serviço”, cerca de 88 por cento obtiveram menção “Boa”, 11 por cento “Suficiente” e 1 por cento “Deve melhorar”.