Em destaque

22 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Chui: transferência de doentes não depende de orçamentos
Sexta, 03/03/2017

O Chefe do Executivo, Chui Sai On, recusou hoje a ideia de que os casos em que foi decidida a não transferência de doentes para o exterior estão relacionados com questões orçamentais. O líder do Governo reagiu, deste modo, a uma polémica suscitada por um artigo jornalístico.

 

“Essas situações dependem do diagnóstico médico em Macau, se houver o entendimento que a consulta não precisa ser realizada fora do território. Não tem nada a ver com o orçamento, porque o trabalho tem sido executado assim ao longo dos tempos. É um mecanismo que a população compreende que só é activado para casos em que não é possível fazer um diagnóstico em Macau”, afirmou Chui Sai on, em declarações aos jornalistas, à partida para Pequim, onde vai assistir, no domingo, à abertura de mais uma sessão da Assembleia Popular Nacional.

 

O Chefe do Executivo realçou ainda “acreditar nos médicos” e pediu à população para “ter confiança nos médicos especialistas”.

 

Na noite de ontem, o Centro Hospitalar Conde de São Januário já veio dizer, através de um comunicado, que é “falsa” a notícia sobre uma alegada recusa de transferência para o exterior de uma bebé com necessidade urgente de um transplante de fígado.