Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Revista de imprensa de Macau e Hong Kong (quinta-feira)
Quinta, 01/12/2016

A imprensa portuguesa dá grande destaque ainda ao Encontro de Macaenses e à passagem do secretário da Segurança pela assembleia Legislativa.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

O Ou Mun entrega a primeira página a um caso de polícia. “Homem agride mulher e é detido pela Polícia Judiciária”.

 

O Va Kio destaca os memorando de cooperação regional assinados, ontem, entre Macau e Shenzhen.

 

Canal chinês de rádio da TDM

O Ou Mun Tin Toi está a anunciar que a Polícia Judiciária vai revelar ainda, durante a manhã, um caso de corrupção nos Serviços de Alfândega.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

O Ponto Final entrega o destaque ao Encontro de Macaenses. “Embaixadores natos” é a manchete. “Mais do que agulhas e fungos” é outro título que pontua no jornal acerca do investimento na medicina tradicional chinesa.

 

O Hoje Macau pergunta, na manchete, “Vai a jogo?” – “Secretário da Segurança candidato a Chefe do Executivo. Elogios da AL parecem indicar isso mesmo”, diz o jornal.

 

O Jornal Tribuna de Macau escreve, na manchete, “Contas complexas nos serviços de assistentes de trânsito”. O jornal diz que o serviço vai custar quatro milhões de patacas.  “Do valor das Casas ao orgulho dos jovens”, é a o título sobre o Encontro de Macaenses.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

O Macau Daily Times nota, na manchete, “Perspectivas de democracia diminuem em Macau e Hong Kong”. Em grande foto, surge o aeroporto de Macau que “com seis milhões de passageiros, vai ter terminal concluído no ano que vem”.

 

O Business Daily diz que “Macau e Shenzhen estreitam laços”, e lá está fotografia de Chui Sai On com um alto responsável de Shenzhen a propósito dos memorandos de cooperação regional assinados ontem.

 

O Macau Post Daily publica na manchete – “Federação de Transportes protesta contra a importação de motoristas” com fotografia de responsáveis da federação ontem, em conferência de imprensa.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

O South China Morning Post dá eco aos democratas. “Democratas cautelosos com a oferta de Pequim a vistos para a China” é a manchete. “Ano de recordes no clima, mas é esperado um Inverno normal”, é outro título.

 

O China Daily escreve na primeira página – “Liderança: Xí espera construir confiança culttural na China” com fotografia do presidente. Depois ainda, sob o título, “Comunicação”, o China Daily diz que “Continente permite visas de viagem internas para membros da oposição de Hong Kong”.

 

A primeira do The Standard fala dos vistos aos democratas. “China abre a porta aos democratas” é manchete com as dúvidas dos visados  – “Ir ou não ir, é a questão”.