Em destaque

19 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.16 patacas e 1.12 dólares norte-americanos.

LAG: Polícia regista menos crimes nas Ruínas de São Paulo
Terça, 29/11/2016

Os crimes praticados na zona das Ruínas de São Paulo desceram, entre 2015 e este ano. As autoridades justificam o fenómeno com a criação da Polícia Turística.

 

“O número de efectivos foi aumentado para 30. De seis pontos turísticos, alargámos [a acção] para dez, incluindo Largo do Senado, Ruínas de São Paulo, Calçada de São Agostinho, Barra e Museu Marítima. O resultado tem sido bastante bom. Desde Janeiro até Outubro deste ano, registaram-se 186 casos, nas Ruínas de São Paulo. Em 2015, foram 218. Houve uma redução”, disse o comandante do Corpo de Polícia de Segurança Pública, Leong Man Cheong, no segundo e último dia de debate das Linhas de Acção Governativa para a área da Segurança.

 

O responsável adiantou ainda que um posto móvel da Polícia Turística vai entrar em funcionamento, no próximo ano. “É uma carrinha especializada para tratamento de queixas. Tem por finalidade elevar a nossa capacidade de resposta”, explicou.

 

Na sessão, Leong Man Cheong referiu que os agentes da Polícia Turística dominam “várias línguas”, sem especificar quais. A criação da unidade foi anunciada, há um ano, nas Linhas de Acção Governativa para 2016.