Em destaque

19 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.16 patacas e 1.12 dólares norte-americanos.

Casal de funcionários públicos investigado por burlar IH
Sexta, 18/11/2016

O Comissariado contra a Corrupção (CCAC) detectou um caso envolvendo dois funcionários públicos, que terão ocultado o facto de possuírem um imóvel em Zhuhai, durante a candidatura à habitação económica junto do Instituto de Habitação.

 

Em comunicado, o CCAC indica que os dois funcionários são suspeitos dos crimes de falsificação de documento e de burla de valor consideravelmente elevado, podendo ainda responder pelo crime de falsas de declarações.

 

O caso envolve dois cônjuges que exercem funções no Gabinete do Procurador e no Instituto de Habitação.

 
 

O CCAC diz ainda que os dois suspeitos souberam que estavam a ser investigados e venderam o imóvel de Zhuhai, tendo pedido às autoridades locais que emitissem um documento para provar que não detinham nenhuma fracção.

 

O processo foi já encaminhado para o Ministério Público para mais investigação.