Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Festival Internacional de Cinema com 11 filmes em competição
Segunda, 14/11/2016

A sessão de abertura do Festival Internacional de Cinema, marcada para 8 de Dezembro, vai ser feita com a produção francesa “Polina”. Já o cartaz em competição conta com 11 filmes.

 

Entre a selecção, que de acordo com a organização ainda foi feita pelo director demissionário Marco Muller, está “Sisterhood” da realizadora local Tracy Choi. De Portugal chega “São Jorge” de Marco Martins. O filme valeu a Nuno Lopes o prémio de melhor actor da secção Horizontes do Festival de Veneza.

 

O outro representante lusófono é “Elon não acredita na morte” do brasileiro Ricardo Alves Júnior. O cartaz tem ainda produções de França, Reino Unido, Argentina, Índia, China e Japão. Todos os filmes vão ser exibidos ou no Centro Cultural ou na Torre de Macau.

 

A competição oficial prevê nove prémios. A organização vai galardoar o melhor filme, o melhor realizador, o melhor guião, assim como o melhor actor e a melhor actriz. O júri, composto por cinco elementos, é presidido pelo realizador e produtor indiano Shekhar Kapur.

 

Fora do cartaz em competição, estão outros filmes. Contas feitas, o Festival Internacional de Cinema oferece cerca de 50 películas de mais de 20 países e regiões. Muitos destes chegam em estreia mundial ou, pelo menos, asiática.

 

A secção “Dragões Escondidos” é um dos segmentos complementares do programa, destinado para a apresentação de filmes da Ásia. Além disso, vão ser organizadas sessões dirigidas por profissionais do sector para o público.

 

O Venetian e o Galaxy também vão ser palco para a exibição de filmes. Os bilhetes estão à venda a partir da próxima segunda-feira, nas lojas da Kong Seng.