Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Neto Valente: Justiça em Macau continua insatisfatória
Sábado, 07/05/2016

Jorge Neto Valente continua a traçar um diagnóstico negativo da Justiça em Macau. Em entrevista à Rádio Macau, o presidente da Associação dos Advogados de Macau (AAM) afirma que, embora esteja um pouco melhor do que há cinco anos, a Justiça no território continua a ser insatisfatória.

 

“Há gente que não tem qualidade. Mostrem cá para fora, digam transparentemente, se for verdade, que é uma questão de experiência ou de falta dela, mostrem os resultados das inspecções, das classificações, etc”, diz Neto Valente.

 

No programa que é emitido hoje ao meio-dia, o presidente da AAM enfatiza a ideia de que a “população tem noção de que há juízes melhores do que outros”, o mesmo acontecendo em relação aos magistrados do Ministério Público.

 

Jorge Neto Valente diz que a justiça não tem melhorado de forma significativa nos últimos anos, “há uma geração, um curso que é fraco, e depois há coisas que se remendam e melhoram”.

 

Na hora de fazer uma avaliação, as dúvidas não existem: “a Justiça em Macau é insatisfatória”, sentencia o presidente da AAM.