Em destaque

22 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Entrega de infractores: Neto Valente volta a criticar Macau
Sexta, 06/05/2016

O presidente da Associação dos Advogados, Jorge Neto Valente, volta a afirmar que é Hong Kong que está a travar o processo relacionado com a entrega de infractores em fuga entre as regiões vizinhas. Já a postura de Macau merece críticas.

 

“A ideia do Governo é deitar a mão, de qualquer maneira, a pessoas que fugiram da justiça de Macau, sem olhar a qualquer meio [...] Em Hong Kong não vai ser assim. Quem está a travar o processo é o lado de Hong Kong”, defende Neto Valente, em declarações ao programa Rádio Macau Entrevista, que vai para o ar, amanhã, ao meio-dia.

 

O acordo de cooperação judiciária está a ser negociado entre China Continental, Macau, Hong Kong e Taiwan. O presidente da Associação dos Advogados nota que, no caso do território, o processo está a ser feito com “o retrato de pessoas à frente”.

 

Neto Valente refere-se aos empresários de Hong Kong, Joseph Lau e Steven Lo, envolvidos no caso La Scala, que foram condenados em Macau, mas continuam sem cumprir a pena. “Acho que eles se vão rir. Em Hong Kong ou num sítio qualquer, não sei. Mas acho difícil chegar lá. Penso que não se deve legislar nem adoptar nenhuma lei com o retrato das pessoas lá. Acho que fica muito mal ao Governo de Macau”, diz o presidente da Associação dos Advogados, antes de recusar fazer mais comentários.