Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

DSAL acompanha caso de salários em atraso no Windsor Arch
Sexta, 06/05/2016

A Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais (DSAL) está a acompanhar o caso de salários em atraso de, pelo menos, 40 trabalhadores não-residentes das obras do empreendimento Windsor Arch, na Taipa. A garantia foi dada numa nota de imprensa, divulgada ontem à noite.

 

De acordo com a DSAL, os operários têm em atraso quatro meses de vencimentos e as compensações dos feriados obrigatórios. O empreiteiro também não pagou a indemnização relativa à rescisão do contrato, que levou ao cancelamento dos “blue cards”.

 

A Associação Geral dos Operários de Construção Civil de Macau organizou, ontem à tarde, uma conferência de imprensa para pedir a intervenção do Governo no caso.