Em destaque

25 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,0449 patacas e 1,1156 dólares norte-americanos.

 

DSAT admite pressão por causa da procura de motoristas
Quinta, 14/04/2016

O Governo vai rever o regulamento do trânsito rodoviário para tentar responder à procura de motoristas de autocarros públicos. O director dos Serviços para os Assuntos de Tráfego (DSAT) indica que, nos próximos quatro anos, 110 profissionais irão reformar-se, o representa “entre 10 a 14 por cento” do número actual.

 

Lam Hin San reconhece que estes dados causam "pressão", mas acredita haver trabalhadores suficientes em Macau para responder a esta procura. “Neste momento, estamos focados em encorajar os residentes locais, interessados em servir os cidadãos de Macau. Actualmente, um motorista serve mais de 540 cidadãos por dia. Estamos, por isso, também a tentar aumentar o número de motoristas para providenciarmos melhores serviços à população”, disse, à saída da reunião do Conselho Consultivo do Trânsito.

 

Com as alterações ao regulamento de trânsito, o Governo quer ainda prever a circulação do autocarro articulado, em zonas apropriadas da cidade.