Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Vinhos portugueses com “tendência de subida”
Quinta, 11/02/2016

Com vários anos de experiência no sector, Luis Herédia, da empresa distribuidora de vinhos Vinomac, antecipa que a tendência de subida dos vinhos portugueses em Macau deverá continuar, tanto em volume global de vendas como na quota de mercado.

 

Uma tendência, defende, que resulta da aposta que os produtores portugueses estão a fazer na Ásia e das campanhas de promoção que têm sido levadas a cabo, também em Macau.

 

Depois do pico de vendas verificado em 2011 e 2012 por todos os países produtores de vinho nas vendas para Macau, Portugal tem conseguido manter os números e mostra uma tendência de subida na quota de mercado.

 

“A quota subiu para 6 por cento, estava em quatro e tinha andado por aí ou até mais baixa mesmo nos anos de 2011 e 2012 quando se atingiu o pico de vendas. Estamos a ganhar reconhecimento até porque houve bastante campanhas não só em Macau mas também em cidades chinesas, Singapura e outros países asiáticos. Há uma aposta dos produtores portugueses na Ásia, o que é normal. E portanto Portugal poderá estar a sentir algum benefício disso”, afirmou Luís Herédia, à Rádio Macau, acrescentando que a tendência é de "subida" para os vinhos portugueses.