Em destaque

19 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.16 patacas e 1.12 dólares norte-americanos.

Serviços de Saúde assumem responsabilidades
Quinta, 20/10/2011
Os Serviços de Saúde assumiram hoje, em conferência de imprensa, responsabilidades nos erros apontados pelo Comissariado de Auditoria. Mas O director dos Serviços de Saúde, Lei Chin Ion afirmou hoje aquando da transferência de soberania “o desenvolvimento de Macau não era tão rápido como agora” e naquela altura “não se pensava que em 2011 o número de residentes e turistas aumentasse tão rapidamente”.

O coordenador da Direcção de Internatos Médicos, Chau Chi Hong, garante que o número actual de internos é suficiente. Actualmente há 23 internos gerais e 29 internos complementares. Chau Chi Hong recorda que o número de internos aumentou ao longo dos anos, desde a criação da RAEM.

O director dos Serviços de Saúde Lei Chi On lembra também que vão ser contratados mais enfermeiros e que estão para chegar cerca de 40 médicos, contratados nas regiões vizinhas e em Portugal.

Os Serviços de Saúde disseram ainda que a revisão do regime de internato vai ser concluída até ao final do ano ou início do próximo. Lei Chin Ion negou ainda que a actualização do regime esteja a ser acelerada, depois dos reparos do Comissariado de Auditoria.

Ainda questionado se pensa em demitir-se depois das duras críticas do Comissariado de Auditoria, o director dos Serviços de Saúde admite que é necessário “assumir responsabilidades” mas diz que a nomeação para o cargo é do Governo e vai “obedecer” às decisões.