Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

Tarifas de 11 auto-silos públicos sobem em Dezembro
Domingo, 01/11/2015

É a partir de 1 de Dezembro que o Governo vai aumentar as tarifas em 11 auto-silos públicos. A subida é de 53 por cento no caso dos passes mensais com direito a lugar reservado para automóveis, que passam a custar 2300 patacas, enquanto os passes sem direito a lugar reservado aumentam 100 por cento para 1600 patacas.

 

A partir de Dezembro são também introduzidas as modalidades de pagamento de tarifas em diferentes horários.

 

Assim, os carros pagam seis patacas por hora das oito da manhã às oito da noite e três patacas por hora das oito da noite às oito da manhã. No caso das motas, são duas patacas por hora durante o dia e uma pataca durante a noite.

 

De acordo com os Serviços para os Assuntos do Tráfego (DSAT), trata-se de uma “fase inicial” do plano de subida dos preços que, para já, abrange apenas parques localizados na zona central e no NAPE, antes os aumentos se estenderem, no próximo ano, a mais áreas o território.

 

As tarifas dos restantes parques de estacionamento público “serão actualizadas de forma faseada e gradualmente no próximo ano”, explica a DSAT em comunicado.

 

De acordo com a nota, a actualização das tarifas não é a única medida na calha no âmbito da “política de controlo do crescimento do número de veículos”.

 

Nesse sentido, “o Governo recorrerá também à actualização das taxas e impostos relativos aos veículos”, mas não são avançadas datas.

 

Além da necessidade de pôr em acção um “plano de gestão racional dos veículos particulares”, os Serviços para os Assuntos de Tráfego defendem que os valores das tarifas nos parques públicos não eram ajustados “há muitos anos” e “encontram-se desfasadas do desenvolvimento do mercado”.

 

Para definir os aumentos foram tidos em conta factores como “as tarifas noutros territórios”, o mercado privado ou a inflação.