Em destaque

18 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20602 patacas e 1.1314 dólares norte-americanos.

Revista de imprensa de Macau e Hong Kong (Quinta-feira)
Quinta, 22/10/2015

Contrabando de tabaco, uma análise ao sector do jogo e a criação de um centro de português junto ao Vietname são os temas que atravessam as primeiras páginas da imprensa em língua portuguesa.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

O Ou Mun dá destaque ao reforço da actuação das autoridades policiais junto de veículos mal estacionados. 

 

O Va Kio dedica a primeira página ao jogo e às declarações do secretário da Economia. Lionel leong espera que o fim do mês revele uma queda menos acentuada das receitas brutas do jogo.

 

Canal chinês da Rádio Macau

Ao longo da manhã, o Ou Mun Tin Toi também tem estado a dar destaque às declarações optimistas de Lionel Leong sobre as receitas do jogo que serão conhecidas no fim de Outubro.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

O Jornal Tribuna de Macau publica em manchete “Contrabandeado 34,5 por cento do tabaco”. Um estudo analisou o mercado da RAEM em 2014. Em grande plano, com fotografia, o jornal fala ainda do feriado de ontem. “Homenagem aos antepassados”, diz.

 

O Ponto Final puxa para destaque um estudo comparativo do mercado do jogo VIP e a acção dos junkets em Macau e Atlantic City e, daqui, a manchete: “Regulação e cautela, aconselham académicos”.

 

Já o Hoje Macau sublinha o centro de português que vai ser criado na fronteira com o Vietname. “Parque das missões” é o título gordo da edição de hoje. O jornal refere ainda a proposta do partido Nós Cidadãos, de Pereira Coutinho, em alterar a forma de voto no estrangeiro. O jornal não esquece a situação do activista angolano em greve de fome Luaty Beirão. “Não virar a cara”, é o título.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

Devido ao feriado de ontem, os jornais de Macau em língua inglesa não se publicaram.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

O China Daily publica na primeira página uma fotografia de David Cameron, o primeiro-ministro britânico, e Xi Jingping numa conferência de imprensa conjunta em Downing Street e o título - “China e Reino Unido assinam acordo histórico”. E, ao lado, ainda outro título “Panda gigante regressa ao Zoo de Londres”.

 

O South China Morning Post surge também com a foto dos dois dignitários à porta da sede do governo britânico e o título – “Acordo nuclear eleva relações com o Reino Unido para um novo patamar”. Ao lado, em cima, sobre os diplomatas chineses mortos nas Filipinas, o jornal diz que foram detidos um terceiro diplomata e a mulher.

 

No The Standard, “Médicos satisfeitos com aumentos salariais”, é a manchete. O jornal destaca ainda o caso dos diplomatas mortos nas Filipinas.