Em destaque

22 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.20 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Semana cultural China-Lusofonia abre-se aos negócios
Quinta, 08/10/2015

A inclusão de actividades de promoção do comércio e investimento é a grande novidade da sétima edição da Semana Cultural da China e dos Países de Língua Portuguesa, que decorre entre os próximos dias 13 e 25 de Outubro.

 

Organizado pelo Fórum de Macau, o evento conta este ano com um orçamento inferior em cerca de quatro por cento ao do ano passado, que foi de 9,4 milhões de patacas, informou Echo Chan, secretária-geral adjunta do Fórum de Macau, em conferência de imprensa.

 

Além da gastronomia, exposições, teatro, artesanato, música e dança, fazem também parte do programa um fórum de jovens de empresários, uma mesa redonda entre dirigentes provinciais e municipais chineses e portugueses, também a participação na Feira Internacional de Macau com o pavilhão dos países lusófonos, e ainda a participação numa cimeira em Jiangsu.

 

Vicente Manuel, secretário-geral adjunto do Fórum, explicou a ideia de juntar cultura e negócios; “Fazer uma interligação entre a cultura e a indústria musical e gastronómica. Fazendo um casamento entre a cultura e a economia, estaremos a maximizar aquilo que é a plataforma de Macau”.

 

Entre os próximos dias 16 e 25, vão estar em Macau 135 artistas de nove países e territórios de língua portuguesa.

 

Destaque para a mostra de teatro, que inclui dez sessões entre 16 e 21 de Outubro no Teatro Dom Pedro V, com Seiva Trupe, de Portugal, Lareira Ares, de Moçambique, Tomato Leste, de Timor-Leste, os Criativos, de São Tomé e Príncipe e, de Macau, Hiu Kok Theatre.