Em destaque

21 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.21 patacas e 1.13 dólares norte-americanos.

Revista de imprensa de Macau e Hong Kong (quinta-feira)
Quinta, 08/10/2015

À excepção dos jornais de Macau em língua chinesa, o caso Ng Lap Seng está na capa de todos os jornais locais e nos de Hong Kong também. O Grande Prémio de Macau é outro assunto forte do dia.

 

Jornais de Macau em língua chinesa

 

O Ou Mun tem hoje como tema principal a polémica em torno da concessão do terreno para o empreendimento Pearl Horizon.

 

O Va Kio prefere ocupar a capa com um caso de polícia: trata-se da história de um homem que alegadamente atacou duas jovens. A ilustrar a notícia, uma fotografia da bicicleta vermelha que terá utilizado para perseguir as vítimas.

 

Canal chinês da Rádio Macau

 

A Ou Mun Tin Toi tem estado esta manhã a dar atenção ao Grande Prémio de Macau.

 

Jornais de Macau em língua portuguesa

 

O Jornal Tribuna de Macau escreve na manchete “Junkets em apuros para reaver dívidas”. No destaque fotográfico, uma exposição que junta artistas de Portugal e Macau: “Ilustração também serve de ‘ponte’”.

 

“As teias de um magnata”, lê-se no Hoje Macau, sobre o caso de Ng Lap Seng, “oficialmente acusado de corrupção”. Em foco também a cultura e a exposição “Scape”, com o título “Em busca de um ideal”.

 

Quanto ao Ponto Final, elege para tema principal da edição “As ligações perigosas de Ng Lap Seng”. Referência ainda ao Grande Prémio, cujos detalhes foram ontem anunciados: “Programa de luxo no adeus de Costa Antunes”.

 

Jornais de Macau em língua inglesa

 

O Business Daily opta por dedicar as parangonas aos efeitos do tufão na Semana Dourada em Macau. O caso de Ng Lap Seng também está na primeira página, assim como o Grande Prémio de Macau.

 

No Macau Daily Times, “Caso de subornos de Macau abala Nações Unidas”. No destaque com imagem, o Grande Prémio deste ano, que traz “pilotos de topo” ao Circuito da Guia.

 

O Macau Post Daily publica na primeira página as declarações do sócio de Ng Lap Seng, que disse ontem desconhecer os planos do empresário para a construção no território de um centro de conferências das Nações Unidas. Nota também para um caso de alegada corrupção na China, que envolve o governador da província de Fujian.

 

Jornais de Hong Kong em língua inglesa

 

Em foco no China Daily está a possibilidade de ser retomado o diálogo entre a China, a Coreia do Sul e o Japão. Noutro título, o jornal oficial informa que 1500 profissionais de saúde da China vão trabalhar para África. O caso de corrupção nas Nações Unidas está no topo da página, com uma fotografia de John Ashe – o antigo presidente da Assembleia Geral das Nações Unidas –, mas não é feita qualquer referência ao empresário de Macau envolvido no caso.

 

Numa abordagem mais directa, o South China Morning Post traz na manchete o caso de corrupção que envolve Ng Lap Seng e o antigo presidente da Assembleia Geral das Nações Unidas. No destaque com imagem, os recordes que têm sido atingidos na venda de peças de arte.

 

Por último, o Standard, que tem como notícia principal da edição de hoje Ng Lap Seng: a “ascensão e queda do milionário de Macau no centro de um escândalo de corrupção nas Nações Unidas”.