Em destaque

21 de Março 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.2742 patacas e 1.1424 dólares norte-americanos.

Ambrose So afasta cenários de crise no sector do jogo
Quinta, 06/10/2011
Ambrose So considera que há uma preocupação excessiva com o desempenho das operadoras do jogo na bolsa de Hong Kong. O director-executivo da Sociedade de Jogos de Macau (SJM) lembra que as receitas voltaram a crescer em Setembro, o que credibiliza o mercado: “Penso que não devemos estar demasiado preocupados com o crescimento em Macau. Há pouco tempo, a SJM divulgou os resultados de Setembro, que apontam para um aumento de quase 40 por cento face ao ano anterior. Se analisarmos por trimestre, verificamos que houve uma subida de mais de 45 por cento”.

Ambrose So falava, hoje, depois de conhecidas as previsões do Deutsche Bank sobre o sector do jogo de Macau. O banco antecipa, para os próximos meses, uma queda de 10 por cento no crescimento das receitas, devido ao abrandamento da economia chinesa.

Nas passadas sexta-feira e segund-feira, os receios de uma desaceleração na economia chinesa motivaram fortes quedas no valor das acções das seis operadoras do jogo listadas na bolsa de Hong Kong, com a SJM a liderar as perdas.

Contudo, Ambrose So garante que as contas da SJM continuam sólidas: “Acho que a situação é mais pessimista na Europa e nos Estados Unidos do que em Macau. Mas, de facto, todos os mercados enfrentaram uma desaceleração na última semana.

Felizmente, hoje já houve uma recuperação. Penso que as bases da economia de Macau continuam sólidas”.

A confirmar as palavras de Ambrose So, a SJM fechou a sessão de hoje na bolsa de Hong Kong em alta, com cada acção a valer 12 dólares e 44 avos.