Em destaque

14 de Fevereiro 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.1522 patacas e 1.1278 dólares norte-americanos.

Credit Suisse aponta impacto reduzido do caso Dore na Wynn
Terça, 15/09/2015

O Credit Suisse revela que a Dore contribui apenas com cerca de quatro por cento para os lucros da Wynn Macau, num quadro em que estão de fora juros, impostos, depreciações e amortizações. Se o volume de negócio da empresa de junkets diminuir em metade, os analistas do grupo suíço acreditam que o impacto da actual situação vai ser de 120 milhões de dólares de Hong Kong.

 

Recorde-se que uma antiga funcionária da Dore desviou uma quantia ainda incerta de dinheiro. A empresa confirmou o roubo, mas continua sem avançar o valor em questão.

 

A Wynn Macau garantiu, ontem, que está a acompanhar o caso, mas rejeita qualquer responsabilidade. De acordo com o Jornal Tribuna de Macau, mais de 20 pessoas apresentaram queixas na Polícia Judiciária. Alegadamente, são investidores da Dore que temem não recuperar o dinheiro que aplicaram.