Em destaque

18 de Abril de 2019: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9,1616 patacas e 1,1296 dólares norte-americanos.

 

Associação da Reunião Familiar ameaça protestar em Pequim
Segunda, 07/09/2015

A Associação da Reunião Familiar de Macau submeteu uma petição ao Governo e ao Gabinete de Ligação do Governo Central, na qual pedem um encontro com o Chefe do Executivo e também que o Governo Central fale com o Executivo de Macau para levá-lo a dar uma resposta aos seus constantes apelos. Os signatários ameaçam mesmo protestar na capital chinesa, caso não haja resposta da Administração local.

 

Em declarações recolhidas pela TDM, os membros da associação admitem organizar uma manifestação na Praça de Tiananmen, se for preciso, e asseguram não ter medo de ser detidos - a maioria é idosa e considera não ter nada a perder.

 

A Associação da Reunião Familiar de Macau tem vindo a pedir ao Governo que aprove a fixação em Macau dos filhos que estão na China. Pelas suas contas, são mais ao menos 2313, muitos deles com família já constituída. Mas esta reivindicação de vários anos tem encontrado sempre o travão nas autoridades chinesas.