Em destaque

Aos balcões do BNU, às 12h30: 1 euro valia 1.10 dólares e 8.82 patacas. Tudo sobre os mercados no Índice Rádio Macau/GGRAsia, às 17h.

Hoje, 02/08/2015

O Fundo de Segurança Social (FSS) anuncia que, a partir de hoje, os residentes com idade igual ou superior a 75 anos podem requerer o levantamento de verbas das contas individuais de previdência, referentes ao corrente ano. A recepção é feita “de forma faseada e com base na idade”.

 

Além dos titulares já acima referidos, podem igualmente apresentar já os pedidos todos os residentes que recebam a pensão de invalidez do FSS há mais de um ano ou que estejam a receber o subsídio de invalidez especial do Instituto de Acção Social.

 

Só partir do próximo mês, o FSS começa a aceitar os requerimentos de levantamento de verbas por parte dos residentes entre 65 anos e 74 anos. De acordo com o Fundo, este ano, mais de 40 mil titulares de contas individuais de previdência preenchem os requisitos para receber os montantes. 

Hoje, 02/08/2015

A Teledifusão de Macau não vai transmitir os jogos da próxima época da Premier League. Depois de mais de cinco meses de negociações, a estação televisiva falhou um acordo com a empresa detentora dos direitos de transmissão para a Grande China.

 

“A empresa exige um aumento incomportável e condições de transmissão que nós considermos não aceitáveis em termos de horário e de escolha de jogos”, explicou o presidente da Comissão Executiva da TDM, em declarações ao Canal Macau.

 

Manuel Pires espera “compensar” a ausência dos jogos de futebol da liga inglesa da grelha da TDM com outras provas, adiantando ter já sido recebida a “confirmação” da UEFA para a transmissão das próximas três épocas da Liga dos Campeões e da Liga Europa. “Combinando isto com o campeonato chinês, com o campeonato japonês e também com os jogos de qualificação para o Euro de 2016 em França - e a fase final em França - tentaremos de alguma forma compensar [a ausência]”, acrescentou.

 

Hoje, 02/08/2015

Os trabalhadores do jogo não estão preocupados com as consecutivas quedas nas receitas, afirma Cloe Chao, que foi uma das figuras que marcaram as manifestações contra a indústria, de há um ano. À Rádio Macau, a antiga dirigente da Associação Forefront of Macau Gaming sublinha que continuam a chegar cada vez mais clientes aos casinos.  

 

“Não estão preocupados. Como todos sabem, as receitas do jogo estão em queda desde a segunda metade do ano anterior, mas no dia 1 de Janeiro deste ano, a SJM foi a primeira a aumentar o salário dos trabalhadores, em 5 por cento. Fê-lo apesar de a empresa estar com quedas nas receitas e os resultados económicos da indústria do jogo não serem satisfatórios, comparados com outras regiões. Mas os trabalhadores dos casinos não estão preocupados, porque continua a haver clientes, com a medida de extensão dos vistos de trânsito para 7 dias, o número de turistas tem vindo a aumentar”, sustentou Cloe Chao, num balanço do último ano feito à Rádio Macau.

 

Quanto ao aviso do Governo de que serão colocadas em prática medidas de austeridade caso as receitas dos mensais casinos desçam para as 18 mil patacas, Cloe Chao refere que os trabalhadores associados à Forefront têm vindo a defender gastos mais modestos do erário público. “Nós sempre defendemos algumas medidas de austeridade nas finanças da Administração, porque consideramos que as despesas têm sido imensas nos últimos anos. Seja com queda de receitas ou não, o Governo não deve despender tanto dinheiro”.