Em destaque

17 de Novembro de 2017: às 12h30, o BNU negociava 1 euro por 9.5413 patacas e 1.1806 dólares norte-americanos.

Sexta, 17/11/2017

O britânico Glenn Irwin está na "pole position" para o Grande Prémio de Motos. O motociclista, com uma Ducatil 199RS, parte à frente de Peter Hickman e do veterano Michael Rutter (ambos a guiarem BMW S1000RR).

 

O português André Pires (Kawasaki ZX10R) ocupa o lugar 23 da grelha de partida. A corrida está prevista começar às 15h40 deste sábado.

 

João Picanço

Sexta, 17/11/2017

Edoardo Mortara parte este sábado da pole position para a corrida classificativa da Taça do Mundo de GT, do Grande Prémio de Macau. O italiano foi o mais rápido da sessão, que foi dominada pela Mercedes-AMG, com os quatro primeiros classificados a pertencerem à equipa alemã.

 

No final da qualificação, Edoardo Mortara disse que acredita que são bons indicadores, apesar de ainda haver muitas voltas para dar até estar decidido.

 

"Estou muito feliz. Conseguimos colocar todos os nossos pilotos nos quatro primeiros lugares. Grande dia para a Mercedes, mas não foi fácil. A competição era muita, mas conseguimos estar em grande, os carros bem preparados. Nós também temos muita competição interna, porque, se repararmos, na nossa equipa é incrível. Temos três pilotos que já venceram em Macau. Vamos ver o que acontece nos próximos dias, porque é isso que conta. Mas, para já, estamos a fazer o nosso trabalho e vamos continuar a fazê-lo".

 

Mortara, que está pela sétima vez em Macau para a prova de GT, que já venceu por três vezes, conseguiu um tempo de 2:17.565 segundos na volta mais rápida. Atrás de si ficaram os companheiros de equipa Daniel Juncadella (2:17.847), Maro Engel (2:17.946) e Raffaele Marciello (2:17.998).

 

Nota também para Laurens Vanthoor, vencedor da prova em 2016, que fez, ao volante de um Porsche 911 GT3R, apenas o nono melhor tempo (2:18.657).

 

João Picanço

Sexta, 17/11/2017

O sueco Joel Eriksson foi o mais rápido no segundo dia de qualificações de Fórmula 3, tendo conseguido a “pole position” da corrida classificativa de amanhã.

 

Depois de ter sido quinto na qualificação de ontem, o piloto de 19 anos conseguiu fazer 2.10.720 minutos na volta mais rápida. Lando Norris, que tinha conseguido os melhores tempos na sessão de ontem, foi, desta vez, segundo, com Callum Ilott a completar os três primeiros.

 

Antes de partir para a prova de amanhã, que vai decidir a grelha de partida de domingo, Eriksson está expectante e cauteloso, até porque, como disse no final da sessão, o circuito de Macau tem características muito próprias: “Primeiro temos de ver como vai estar o tempo. Se vai ficar mais húmido ou seco. Mas, no fundo, acho que a importância vai ser relativa, porque acontecem sempre muitas coisas nesta corrida, em especial na curva do Lisboa. Os pilotos que vêm atrás são sempre muito rápidos. Para já, vou celebrar o resultado de hoje e amanhã logo vemos".

 

O pilot da Motopark With Veb revelou que o resultado de hoje foi um peso que lhe saiu dos ombros. Depois de algumas corridas menos conseguidas na Europa, ter sido o mais rápido em Macau tem um significado especial.

 

Os Fórmula 3 regressam ao circuito da Guia este sábado, às 10:20.

 

João Picanço